21 fev 2022

Empresa promete reduzir problemas econômicos do Brasil no futuro, educando crianças agora.

A FORME educa traz um conceito inédito. Educar financeiramente crianças de 3 a 10 anos. Isso é muito possível graças a técnicas de Educação Financeira aplicadas por educadores financeiros juntamente com uma metodologia aplicada a crianças através de pedagogas.
O ano de 2019 foi muito desafiador para todos os Brasileiros, e muitas famílias passaram por dificuldades financeiras no Brasil.
Uma pesquisa feita pela ANBIMA (Associação Brasileira das Entidades dos Mercados Financeiro e de Capitais) com apoio do Datafolha mostrou que em 2019 aproximadamente 62% da população brasileira não conseguiu economizar e entrou em 2020 sem qualquer reserva financeira para qualquer tipo de emergência.

Além disso quase a metade dos brasileiros estão com apontamento no SERASA, e aproximadamente 82% dos brasileiros não sabem como calcular juros nos empréstimos segundo o Instituto Data Popular com uma pesquisa realizada em 2018.

O Brasil é considerado um dos países mais consumistas do mundo e 51% das dívidas dos inadimplentes na base do Serasa são para os Bancos brasileiros, isso mostra que o nosso país utiliza muito crédito sem planejamento e depois não conseguem cumprir com os pagamentos.

Em uma pesquisa feita pela S&P Ratings Service mostrou que países com a taxa de educação financeira para a população mais alta tende a serem mais desenvolvidos economicamente, os Estados Unidos por exemplo, tem uma taxa de 50% a 75% de adultos alfabetizados financeiramente enquanto o Brasil está entre 25% a 34%.

Mas você já se perguntou por que não temos educação financeira na escola?
Foi diante de todo esse cenário que os empreendedores Bruno Lewis, Filipe Augusto e Jacques Kondi Hamadani criaram a FORME – Educação Financeira.
A FORME é uma startup que implementa educação financeira nas escolas de ensino infantil e fundamental I para ser lecionada dentro da grade curricular da escola, assim como inglês ou robótica.

Mas você deve se perguntar, como é ensinado educação financeira para crianças?
Os empreendedores informam que educação financeira vem muito antes de matemática financeira, como por exemplo juros compostos.
A FORME aplica em seu material didático a educação financeira socioemocional com conceitos totalmente lúdicos e interativos para as crianças brincarem durante a aula e aprenderem conceitos de educação financeira.
Para auxiliar os professores nessa metodologia, uma plataforma de cursos voltado a educação financeira e pedagogia foi criada. A FORME Academy.
Em 2020 o ensino de educação financeira se tornou obrigatório nas escolas, porém o mercado educacional sentiu muita dificuldade de desenvolver materiais próprios de um ensino tão complexo.

Vendo isso, os empreendedores decidiram que poderiam contribuir levando material didático próprio para as escolas menores com um preço acessível, assim democratizando o acesso á educação financeira no país dentro das escolas.

O mercado educacional que a FORME atua conta com aproximadamente 15 Milhões de alunos só com as instituições particulares, e por isso a startup vem chamando a atenção de fundos Venture Capital. O lançamento do projeto foi feito em janeiro de 2021 e já conta com 45 escolas contratadas.

Os fundadores acreditam que crianças com educação financeira podem virar adultos responsáveis com recursos financeiros.

Os materiais da FORME estão alinhados a BNCC (Base Nacional Comum Curricular), fundamentados na psicologia econômica e na economia comportamental com conteúdo prático, com isso a FORME tem um mercado gigantesco para se trabalhar e prometem mudar o rumo do Brasil com educação financeira na base.

Para mais informações,
Site: www.formeeduca.com.br
Instagram: www.instagram.com.br/formeeducaoficial
Facebook: https://www.facebook.com/formeeducaoficial
Linkedin: https://www.linkedin.com/company/formeeducaoficial/

Veja todos
Loading